#RESENHA “À Espera de um Milagre”

 

STEPHEN KING. “À Espera de um Milagre”. Editora: Objetiva/Suma, 2005. 274p.

“Cada um de nós tem compromisso com a morte, não há exceções, sei disso, mas às vezes, oh meu Deus, o Corredor da Morte é muito comprido.”

Finalmente posso dizer que eu li um livro do Stephen King, e surpreendentemente já favoritei minha primeira leitura do escritor. Não foi surpreendente porque eu esperava menos do autor, ou não achava que a história não seria tão boa, pelo contrário, não faltam elogios para os livros do Stephen King, quase todo mundo como eu já assistiu ao filme de À Espera de um Milagre, e a nota do livro no Skoob é 4.5 de 5 avaliado por 4.230 leitores, não é pouca coisa, e minhas expectativas eram grandes, mas, mesmo com tudo isso, a qualidade e grandiosidade da história, da narrativa, e das emoções que senti lendo o livro conseguiram me surpreender.

Não comentarei muito sobre o enredo em si porque a adaptação cinematográfica de À Espera de um Milagre é muito famosa, o foco dessa resenha é: vale a pena ler o livro depois de ter assistido ao filme que é uma adaptação consideravelmente fiel? Sim, vale muito a pena! Eu conhecia a história e mesmo assim a experiência de lê-la não foi menos brilhante para mim. Stephen King sabe como te envolver com uma narrativa que desperta nossa curiosidade, não esperamos por nenhum grande clímax de revelação nem nada disso, mas há uma atmosfera de mistério, e é quase impossível não se interessar e querer saber como os acontecimentos de 1932 da penitenciária de Cold Mountain serão resolvidos.

Acompanhamos a história sob o ponto de vista do chefe da guarda da penitenciária, Paul Edgecombe, este vai relembrando seus dias em Cold Mountain enquanto vive em uma casa de repouso para idosos muito tempo depois, enquanto ele escreve os acontecimentos de um ano específico na penitenciária, aos poucos o passado e o presente começam a se confundir. Paul Edgecombe conduziu à morte na cadeira elétrica mais de 70 homens, mas 1932 foi o ano em que John Coffey foi parar no corredor da morte, acusado de ter estuprado e assassinado brutalmente duas menininhas, mas as coisas não são como parecem, e a chegada de Coffey mudará a história dos dos presos que passaram pelo corredor da morte naquele ano, dos guardas, e principalmente a de Edgecombe.

"Fiquei imaginando como seria caminhar aqueles últimos quarenta metros até a cadeira elétrica, sabendo que iria morrer ali. Aliás, como seria ser o homem que teria que afivelar o condenado na cadeira, ou ligar a chave de força. O que um trabalho como esse retiraria de alguém? Ou, mais horripilante ainda, o que poderia lhe acrescentar?" (Stephen King)

Este livro me deixou com um nó na garganta, impossível não ser tocado pela esta história que foi diferente de tudo que eu já li. Aqui Stephen King trabalhou com elementos inusitados como a figura da cadeira elétrica, que me deu arrepios em vários momentos, o período da depressão americana, os presos condenados à morte, o preconceito racial da época (que de certa forma é atual), e principalmente como os seres humanos estão despreparados para ver e lidar com coisas que saem da normalidade, como milagres, tudo isso  misturado com um toque sobrenatural perturbador que é característico do autor.

À Espera de um Milagre é um livro completo, envolvente, com personagens marcantes, e um enredo que desperta nossa curiosidade e nos prende até o último capítulo. Não posso deixar de comentar um parte muito específica que eu já havia visto no filme, quando John Coffey fala que as meninas que foram assassinadas  morreram pelo amor que uma tinha a outra, e que coisas como essa acontecem todos os dias, esse trecho cortou meu coração, e a experiência de lê-lo o tornou inesquecível para mim,  tenho certeza que sempre que pensar neste livro lembrarei desse trecho que é extremamente significativo.

“O mundo gira,é só isso.Você pode se segurar e girar com ele,ou se levantar para reclamar e ser lançado para fora.”                  

Poderia escrever muito mais para convencê-los a ler o livro, mas acredito que essas palavras já bastam, tenho confiança de que quem procura uma boa leitura para se entreter não irá se decepcionar com À Espera de um Milagre. Este livro me prendeu e emocionou até a última página. Se você já assistiu ao filme, por favor, não perca a experiência fascinante que é ler esse livro. Se você não assistiu ao filme, imagine como será ainda mais surpreende para você conhecer o desenrolar desta história memorável.

Não deixem de ler! E me indiquem outros livros do Stephen King =D

3 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. O filme já é maravilhoso, imagino o livro então, que sempre tem mais detalhes e consegue nos emocionar de uma forma única! Adorei a sua resenha, todos os livros do SK são mesmo incríveis <33

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com.br/
    Tem post novo sobre séries no blog, vem ver!

    ResponderExcluir
  3. Olá,
    Eu já li um livro do autor e confesso que fiquei apaixonada por sua escrita, muitos dizem que essa é a melhor e mais tocante obra dele, obviamente tenho muita vontade de ler.
    Beijos.
    Memórias de Leitura - memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir

Adoro receber críticas construtivas! :)
Sempre que posso reservo um tempo para responder todos os comentários!
Obrigada desde já pelo carinho!

xoxo

© Mundo Platônico Todos os direitos reservados.
Criado por: Gabriela Morgante.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo