#RESENHA “Como Eu Era Antes de Você”

 

MOYES, Jojo. Como Eu Era Antes de Você. Editora Intrínseca, 2013. 320 p.

“Sei que podemos. Sei que não é como você queria, mas posso fazer você feliz. Só sei dizer que você me transformou...numa pessoa que eu nem imaginava. Você me faz feliz, mesmo quando é horroroso. Prefiro estar com esse você que você deprecia de que com qualquer outra pessoa do mundo.”

Will Traynor costuma ser um empresário  rico, bem sucedido, de boa aparência, aventureiro, muito independente, além de ter uma namorada linda. A vida de Will muda completamente após um acidente de moto que o deixa tetraplégico. Ele perdeu o emprego, a namorada, e principalmente a sua independência, que é o que ele mais prezava, agora Will depende de seus pais, que outrora ele queria distância, para decidir sobre tudo na sua vida e cuidar que ele permaneça vivo mesmo com tantas complicações. A resposta emocional de Will Traynor para essa terrível fatalidade que assolou sua vida é  o isolamento, ele se tornou introvertido, taciturno, mais arrogante, e desconta toda a sua amargura em quem estiver por perto, mas Will não esperava que depois de tanto sofrimento uma pessoa pudesse mudar sua vida mais uma vez

Lou não tem ambições, e isso me deixava extremamente aborrecida durante a leitura, eu jamais aceitaria a folga da irmã caçula mãe solteira de Lou, ou trabalhar anos a fio em um emprego sem futuro no café da pequena cidade, menos ainda o namorado viciado em esportes que não parece se interessar por ela. Lou é nova e inteligente, mas está estagnada, presa a responsabilidade de cuidar de sua família, tudo muda quando ela perde seu emprego no café e por muita necessidade financeira aceita o trabalho de cuidadora do tetraplégico Will Traynor. É difícil trabalhar para Will que dispara patadas a todo momento e inexplicavelmente parece despreza a presença de Lou. Mas, Lou não pode desistir do emprego, por isso ela vai resistindo a bipolaridade e mal humor de Will como pode.

Lou e Will são pessoas completamente diferentes, Will já viajou a diversos lugares, trabalhou e conheceu pessoas, aproveitou sua vida enquanto podia, diferente de  Lou que nunca saiu da pequena cidade, nunca teve dinheiro, não cursou uma faculdade, e não vê possibilidade de sua família se sustentar sem ela. Lou é divertida, se veste de um jeito excêntrico e é muito esforçada, ela se compadece a situação de Will e acaba se envolvendo cada vez mais, buscando formas de diminuir sua dor, pesquisando sobre todos os aspectos da vida de um tetraplégico, mas Will não parece notar seus esforços.

“Contei a história de duas pessoas. Duas pessoas que não deviam se encontrar e que não gostaram muito um do outro quando se conheceram, mas que descobriram que eram as duas únicas pessoas no mundo que podiam se entender (…)”.

Lou é uma pessoa muito diferente de mim, me identifiquei mais com o Will antes do acidente, mas no decorrer da leitura enquanto minha simpatia por Will era pequena por causa de seu mal humor justificado fui me apegando cada vez mais a Lou, torcendo para que ela se tornasse mais independente, estudasse, viajasse, e principalmente se livrasse de seu relacionamento ruim, e o único que pode ajudá-la a ampliar seus horizontes é Will, eles se completam de uma maneira estranha, e enquanto Lou se esforça muito para fazer seus dias mais felizes, Will fica mais doente e depressivo e planeja dar um fim ao seu sofrimento.

Lou traz cor a vida de Will, mas será que isso é o suficiente para ele? Sem que nenhum os dois perceba, a história deles começa a mudar por causa desse relacionamento e nada será mais como antes.

Tenho que confessar que esse livro acabou comigo, me tocou de uma forma de que nem imaginava ser possível, me envolvi muito com a história o que resultou em uma depressão literária que durou meses. Aprendi a gostar de Will e torcer para que ele e Lou se envolvessem romanticamente mesmo parecendo impossível, mas principalmente me apeguei a Lou, a sua história, seus sentimentos, gostei de sua atitude de não desistir da causa perdida chamada Will Traynor, Lou é uma pessoa maravilhosa que precisava ser livre para mostrar todo seu potencial e Will enxergar isso nela.

A história é muito mais do que deixei transparecer nessa resenha, um livro emocionante, muito bem escrito, que mostra como apenas uma pessoa que passa por nossas vidas pode mudar o rumo da nossa história. Foi o primeiro livro da escritora Jojo Moyes que eu li e me apaixonei por Como Eu Era Antes de Você que está entre minhas leituras favoritas. A história desse livro permanece sempre comigo e as vezes me pego pensando em Lou, Will, os acontecimentos do livro, e de como chorei por causa de um final inaceitável e que foi supreendentemente belo, jamais esquecerei, indico essa leitura para todos de olhos fechados!

desenhos-estrelasdesenhos-estrelasdesenhos-estrelas desenhos-estrelasdesenhos-estrelas

7 comentários:

  1. Ai meu deus, só de ver essa capa meu coração já fica louco pra pu pela boca. Sem brincadeira, esse livro é o melhor que existe, eu amo de paixãaao D:
    Concordo com tooodas suas palavras! Depois que terminei também fiquei muito tempo pensando neles, na relação, em tudo o que a decisão do Will representou. Quando percebi o que ele pretendia fazer, e que não tinha volta, gzus, eu chorei um oceano, acho que nunca me emocionei tanto com um livro haha é incrivelmente lindo mesmo! Imagina quando sair o filme? ;------; Não quero nem pensar

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com.br/
    Tem resenha nova no blog de "O presente do meu grande amor", vem ver!

    ResponderExcluir
  2. Ei Gabi

    Eu fico arrasada quando vejo que alguém não gostou desse livro rs, sou apaixonada por ele. Acho que a maioria que não gosta é pq não se conforma com o final, para mim ele foi perfeito assim. ^^

    Que bom que vc também amou. :)
    bjs

    ResponderExcluir
  3. Olá Carol! ^^
    Sentimos a mesma coisa, eu chorei tanto que molhei o livro hahaha Adorei, mas fico com o coração apertado quando penso na história.
    Quero MUITO ver o filme, mas se for tão bom quanto o livro já sei que irei sofrer! :')

    Obrigada pela visita!

    Beijos, Gabi

    ResponderExcluir
  4. Oi Nanda!
    Também me apaixonei pelo livro, mas difícil aceitar aquele final viu! haha Refletindo depois da leitura cheguei a conclusão que o livro é perfeito porque teve justamente aquele final.

    Obrigada pela visita! ^^

    Beijos, Gabi

    ResponderExcluir
  5. Oi Gabi.
    Nossa, esse livro é simplesmente fenomenal mesmo. Ainda lembro do final e eu não sabia qual meu sentimento, porque daí misturou o que cada um dos dois personagens principais sentia e ficou aquela loucura. É muito lindo. Amei sua resenha, que bom que gostou do livro :)

    Beijos, Vanessa.
    This Adorable Thing
    http://thisadorablething.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Olá Vanessa!!
    Eu senti essa confusão, demorei alguns dias para controlar os sentimentos e chegar a alguma conclusão sobre a história, além de que era linda porque isso eu já tive certeza desde que fechei a última página.
    Obrigada, e pelo vista não fui a única que amei, romance que fica na memória de todos <3

    Beijos,

    Gabi
    Mundo Platônico
    http://gabiiem.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Esse livro é simplesmente maravilhoso. Quando o escolhi entre tantos pensei que seria uma leitura leve. Fui totalmente no escuro e comprei pela capa, confesso.

    Mas a leitura é tudo, menos totalmente leve e boba. É um livro lindo e profundo, que trabalha temas até certo ponto tabus e que envolve o leitor de forma tal que nos tira não apenas as palavras como também lágrimas.

    Gostei de sua resenha, achei que expôs bem o conteúdo. Também fiz uma sobre esse livro que foi ao ar ontem, caso queira dar uma olhada... conchegodasletras.blogspot.com.br/2015/04/resenha-como-eu-era-antes-de-voce.html

    ResponderExcluir

Adoro receber críticas construtivas! :)
Sempre que posso reservo um tempo para responder todos os comentários!
Obrigada desde já pelo carinho!

xoxo

© Mundo Platônico Todos os direitos reservados.
Criado por: Gabriela Morgante.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo