#Resenha Finale - HUSH HUSH #4

 

  • Título: Finale - Hush Hush #4
  • Autora: Becca Fitzpatrick
  • Editora: Intrínseca
  • Páginas: 304
  • Conceito: 1234
  • Spoilers para quem não leu Sussurro, Crescendo e Silêncio. Comentem na resenha, quem sabe não rola uma promoção do livro no blog ;)

Nora e Patch pensavam que seus problemas tinham ficado para trás. Hank estava morto, e seu desejo de vingança não precisava ser levado adiante. Na ausência do Mão Negra, Nora foi forçada a se tornar líder do exército nefilim, para destruir os anjos caídos. Destruir Patch. Nora nunca deixaria isso acontecer, então ela e Patch bolam um plano: os dois farão com que todo mundo acredite que não estão mais juntos. Nora pretende convencer os nefilins de que a luta contra os anjos caídos é um erro, e Patch tentará descobrir tudo o que puder sobre o lado oposto. O objetivo deles é encerrar a guerra antes mesmo que ela venha a eclodir. Mas até mesmo os melhores planos podem dar errado. Quando as linhas do combate são finalmente traçadas, Nora e Patch precisam encarar suas diferenças ancestrais e decidir entre ignorá-las ou deixá-las destruir o amor pelo qual sempre lutaram.

E finalmente a série Hush Hush chega ao fim, série esta que acompanhou o blog desde seu início pois uma das primeiras resenhas que eu escrevi e postei foi a de Sussurro <3 Eu não sabia o que esperar deste livro, e sinceramente depois de Silêncio estava com medo que a autora se enrolasse na tentativa de prolongar a história, felizmente isso não aconteceu. Finale é um desfecho cheio de reviravoltas e ação, mas apesar de ter personagens muito marcantes, este último livro não fez a série entrar para a lista das minhas favoritas.

  • “(…) Se eu pudesse fazer isso passar, eu faria. Se eu pudesse ficar no seu lugar, eu não hesitaria. Mas sou deixado com uma escolha, e ela é ficar do seu lado até o fim. Eu não vou vacilar,
  • Anjo, posso te prometer isso.”

No livro anterior Nora ser tornou uma nefilim e fez um juramento de sangue ao Mão Negra - ou Hank, o seu pai - prometendo levar o exercito nefilim para a guerra contra os anjos caídos caso ele não estivesse mais lá. E logo depois Nora teve que matar Hank para proteger o seu amado, Patch <3 Agora ela é obrigada a liderar o exercito do seu pai, pois descumprir o juramente que fez a Hank significaria sua morte, e a morte da mãe de Nora também. Acontece que os temidos arcanjos, seres mais poderosos que os os nefilins e os anjos caídos, esperam que Nora impeça os nefilins de entrarem nesta guerra.

Toda a trama deste livro gira ao redor do Cheshvan, época em que os anjos caídos podem possuir os corpos do nefilins que jurarem lealdade, mas os nefilins estão dispostos a lutar pela sua liberdade. Nora é a nova líder de um exercito que não confia em sua capacidade ou lealdade para com eles, e ela tem que decidir se vai fazer a vontade dos arcanjos liderando os nefilins para uma paz que nunca vai existir enquanto os anjos caídos os subjugarem, ou lutar pela liberdade da sua raça enfretando seres muito mais poderosos.

Os nefilins mais poderosos não aceitam Nora como líder, e não liderá-los significa literalmente a sua morte. Nora só tem ao seu lado o seu amigo Scott, que neste livro faz de tudo para ajudá-la, e o poderoso nefilim Dante, braço direito de Hank que agora jurou lealdade a ela. Nora tem que seguir seus conselhos e treinar com Dante para se tornar uma nefilim melhor, apta para comandar, tudo isso além de ter que esconder de qualquer jeito o seu namoro com Patch, um anjo caído que não está de nenhum lado desta guerra.

Patch e Nora já passaram por muita coisa juntos, os dois já erraram e aprenderam com os seus erros, e agora eles têm que trabalhar em equipe para vencer essa guerra. Mas é claro que entre esses dois sempre há espaço para brigas, e Nora decidi guardar segredos perigosos de Patch mesmo sabendo que essa é a pior coisa que ela poderia fazer, mas depois de todos os livros essa não foi a pior atitude que ela já tomou. Nora também tem que se preocupar em proteger e contar a verdade para sua melhor amiga Vee, e lidar com a mudança inesperada e muito suspeita da sua meia-irmã e inimiga de infância Marcie, para sua casa.

  • “(…) Eu errara antes - errara vergonhosamente. Tinha evitado lutar pelos nefilins por medo dos arcanjos. E, ainda pior, tinha usado a guerra como desculpa para conseguir mais artes do mal.
  • Todo esse tempo, eu estivera mais preocupada comigo do que com as pessoas que fora
  • encarregada de liderar. Isso acabava ali.Hank tinha me confiado esse papel, mas eu não
  • estava fazendo aquilo por ele. Estava fazendo porque era a coisa certa a fazer.”

Eu terminei o livro e não sabia se ficava feliz ou triste, acho que não verdade eu só esperava mais, como todos os livros desta série eu sempre esperei mais só que sempre havia a esperança do próximo livro, agora que acabou percebi que só continuei lendo a série porque o primeiro livro foi muito bom, o romance entre Patch e Nora apesar de todos os desentendimentos é lindo, Patch é o protagonista mais sexy de todos os tempos, e os mistérios que antes giravam em torno dele eram muito bons e instigantes, apenas isso.

A série começou cheia de mistérios, e apesar de já conhecermos a maioria deles, neste livro muitas outras tramas secretas aparecem para surpreender Nora e Patch. Alguns personagens possuem novos segredos, e falando de um caso específico sinceramente a autora forçou revelando algumas coisas que não me convenceram. Neste final muitas pontas ficaram soltas, e eu gostaria de saber mais, seria muito mais legal se a autora tivesse se preocupado em explicar tudo e amarrar bem a história, o que não aconteceu.

De certa forma essa série foi decepcionante porque eu sempre esperava algo mais por causa dos seus  personagens tão marcantes, uma opinião extremamente pessoal porque eu sempre espero mais de um livro que eu gosto, eu espero vibrar com os acontecimentos e até mesmo me emocionar, mas a narrativa de Hush Hush sempre foi tão rápida que nunca houve espaço para eu me emocionar.  A história sempre foi assim, e as pessoas que adoraram desde o começo provavelmente também gostarão do fim.

  • “(…) Os olhos de Patch me acariciaram com um calor silencioso. Meu reflexo se espiralava dentro deles, cabelo vermelho e lábios em chamas. Eu estava ligada a ele por uma força que não podia controlar, uma pequena linha que unia a nossas almas.” […] “ - Eu posso sentir você.”

Terminei Finale com uma grande vontade de ler Sussurro, será interessante ler sabendo a resposta de todos os mistérios, e só aproveitarei os raros momentos muito excitantes entre os protagonistas. De Hush Hush sempre lembrarei do Patch <3 e até mesmo da Nora, mais sei que esquecerei o resto da historia em breve porque ela não me marcou. Indico os livros mas não como um dos meus favoritos, um pouco decepcionante, o problema foi sempre esperar mais do que a história poderia oferecer.

Se você leu Sussurro, Crescendo e Silêncio não deve deixar e conferir esse final, mas se você pretende começar agora fica a dica para não criar grandes expectativas, e curtir uma leitura rápida com um casal bem complicado. (:

   

11 comentários:

  1. ''De certa forma essa série foi decepcionante porque eu sempre esperava algo mais por causa dos seus personagens tão marcantes''. Exatamente assim que me senti.O terceiro livro foi muito bom , criou uma grande expectativa sobre o quarto e ultimo livro, porem senti que a Becca deu apenas um final, ficaram muitas coisas soltas, pouco exploradas, e a serie tinha tudo para ter um final incrível. o que infelizmente não ocorreu...

    ResponderExcluir
  2. É a primeira resenha que leio a qual não coloca a série lá no céu. Melhor, reduzirei minhas expectativas quando for começar a ler. Já estou louca para conhecer o famoso Patch de quem todas falam hehe

    http://devoradoreshistorias.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oii Gabi
    Admito que li a série inteira mais pela mania de sempre terminar o que eu começo do que por realmente estar super interessada na estória. Achei o 1º e o 2º medianos; foram bons, mas não me deixaram looouca de vontade de continuar. Só fui ler silence no final do ano passado, e me surpreendeu, devorei em dois dias! Gostei muito, muito mesmo, tanto que estive contando as horas por Finale.
    Também achei que ela deu uma forçada, sobretudo quanto ao novo neflim... Acho que ela quis dar um jeito de não separar ninguém e simplesmente jogou esse fato, sem mais nem menos. Também achei aquela morte do final bem desnecessária, tipo um "vou fazer meus leitores chorarem".
    Teve o evento aqui no Recife, foi óotimo! 38 bolsas com 3 bottons e marcador para serem sorteadas entre 42 pessoas. Eu morreria se não ganhasse haha.
    Concordo contigo, foi uma série boa, mas não entrará para as minhas favoritas.

    Ah, desculpe pela redação! haha
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Aaaaaaaaaaah sim, precisei voltar...
    Só eu não gostei do book trailer?
    Ok, a falsa conversa com a diretora da escola foi para mostrar que ela estava sendo negligente com o "mundo humano", mas eu achei que forçaram uma versão muito rebelde dela. E, oi, o que são aquelas asas no Patch? Alguém me explica, por favor? *spoiler* terminei o livro esperando o Patch recuperar suas asas! x)

    Agora sim, beijo!

    ResponderExcluir
  5. Oii Gabi. Eu gostei bastante dos primeiros livros mas como você disse foi difícil se emocionar. A história de amor é linda e tals mas é verdade que iremos nos lembrar do Patch e da Nora e o resto da história é difícil. Nem faz tanto tempo que li e já nem lembro mais o que se passou. Vou precisar reler antes de ler Finale. Tá todo mundo dizendo que a autora deixou muitas pontas soltas na história, o que é decepcionante pois eu tinha muitas expectativas pelo fim. E esse título pro último livro, só eu que odiei?? Os outros títulos foram bons, português bonitinho, aí no último ela me inventa Finale. Odiei.
    Mas como gostei da série vou claro comprar o último e terminar a leitura.
    E esse book trailer realmente deixou a garota com uma aparência de Rebelde como disse a Thais.
    Greice.

    ResponderExcluir
  6. Oi Gabi! Hush Hush é minha série favorita, sem pestanejar. Sussurro me apresentou o mundo da leitura, e foi através dele que descobri o meu gosto por ler. Não sei se é porquê sou vidrada demais na série, mas mesmo ficando um pouco entendiada as vezes, tenho um amor gigantesco por cada personagem e pela escrita de Becca, que não me faz enxergar nenhum defeito em sua narração e no decorrer de nenhum de seus livros. Patch se tornou meu personagem masculino favorito, e apesar de ter algumas desavenças com Nora, sempre vou ter um carinho especial por ela. Como já disse, Sussurro foi o primeiro livro que li e não consegui largar por nem um segundo sequer, o que me fez ter uma paixão platônica por cada livro da série; Me decepcionando por alguns momentos ou não, essa sempre será minha série xodózinho <3
    Beijão e parabéns pela resenha!
    Bruna Alves.

    ResponderExcluir
  7. Tem gente que ama, mas não faz meu estilo

    ResponderExcluir
  8. Como disse a Natalia,esse não é meu estilo preferido de livro.Não gosto muito desse tipo de ficção,mas pra quem gosta deve ser ao mnínimo interessante de ler =)

    ResponderExcluir
  9. Depois de ler esse livro minha paixão por Patch vai aumentar ainda mais. A Becca conseguiu construir um personagem absurdamente desejado e uma história envolvente. Todas as leitoras sonham em ser a Nora, final, quem não ia querer um anjo desse só pra si?

    ResponderExcluir
  10. Hush Hush sem duvida esta entre minha series de livros favoritas <3
    Eu simplesmente amo o amor de Patch e Nora, ainda não li finale, mas realmente não espero me decepcionar. gostei da sua resenha, e concordo com algumas coisa, mais como ainda não li finale não posso dizer que discordo tbm \:
    parabens.

    ResponderExcluir

Adoro receber críticas construtivas! :)
Sempre que posso reservo um tempo para responder todos os comentários!
Obrigada desde já pelo carinho!

xoxo

© Mundo Platônico Todos os direitos reservados.
Criado por: Gabriela Morgante.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo