#RESENHA O Resgate do Tigre - Tiger's Curse #2


Kelsey Hayes nunca imaginou que seus 18 anos lhe reservassem experiências tão loucas. Além de lutar contra macacos d'água imortais e se embrenhar pelas selvas indianas, ela se apaixonou por Ren, um príncipe indiano amaldiçoado que já viveu 300 anos. Agora que ameaças terríveis obrigam Kelsey a encarar uma nova busca – dessa vez com Kishan, o irmão bad boy de Ren –, a dupla improvável começa a questionar seu destino. A vida de Ren está por um fio, assim como a verdade no coração de Kelsey. Em O Resgate do Tigre, a aguardada sequência de A Maldição do Tigre, os três personagens dão mais um passo para quebrar a antiga profecia que os une. Com o dobro de ação, aventura e romance, este livro oferece a seus leitores uma experiência arrebatadora da primeira à última página.


Olá lindos do Mundo Platônico, Robs aqui de novo. Hoje venho aqui falar um pouquinho do segundo volume da Saga do Tigre. Este livro me encantou imensamente e tenho certeza que vai encantar a todos que já leram o primeiro volume, pra quem ainda não leu eu sugiro que corra e leia logo.

“Kells, você não limita minhas escolhas. Você é minha escolha.” Ren  - O Resgate do Tigre, Pag. 70

Eu estou totalmente sem palavras pra descrever o amor que estou sentindo por Colleen Houck e por essa série maravilhosa. Eles definitivamente me mostraram que ainda há chances de criar uma fantasia romântica no meio desse mundo de romantismo que temos hoje sem parecer clichê e ainda sim arrancando diversas lagrimas à medida que nos conectamos aos personagens.

O que continua me encantando desde o primeiro livro é a forma que Colleen encaixa perfeitamente a mitologia hindu dentre os romances aventureiros da série. Nem preciso mencionar que como tudo indica, a pesquisa pra colocar tudo isso deve ter sido extremamente extensa e bem feita.

O livro obviamente tem que manter a trama principal da série, que é buscar uma maneira de quebrar a maldição lançada sobre os garotos, porem, são desenvolvidas diversas tramas adjacentes não menos interessantes. Uma trama importantíssima foi desenvolvida com o “sequestro” de Ren com o intuito de formar alguma maneira de resgata-lo, assim levando jus ao nome do livro. Eu confesso que ao ver a capa com o tigre negro eu logo formulei que o sequestrado seria Kishan e não Ren, mas eu já deveria saber que Colleen ia nos fazer lidar com essa situação delicada.

Toda a estória se desenvolve perfeitamente em partes no mundo real, mas com sua maioria no mundo espiritual. Foi nesse momento que eu me senti mais impressionando ainda com a capacidade de elaboração utilizada nesta série, Colleen consegui juntar diversas mitologias neste segundo livro e isso me levou a loucura. Jamais esperaria ver figuras da grande mitologia Celta, como fadas, faunos, silvanos e etc. juntamente com a ilustre presença da mitologia grega e nórdica.

O que eu tenho julgado importante à medida que vou lendo é que Colleen preza muito a citação de obras clássicas em seu texto, com citações extremamente românticas e propicias a cada situação que chega a arrancar meus suspiros de satisfação. Além dessa importante característica, tenho visto que ela quer mostrar que certas partes do mundo são carentes e precisam de algum de tipo de ajuda, nisso eu tiro meu chapéu e o que mais ela merecer, pois a mensagem está sendo muito bem passada. Essas coisas me dão a sensação de que não é só mais um romance bobo que a autora escreveu apenas por escrever, ele demonstra que o intuito da série não é somente satisfazer a vontade de ter alguma aventura regada de amor e tensão, mas sim espalhar uma cultura não muito conhecida e também as dificuldades que as pessoas apresentam nesses locais.

Este segundo volume acabou sendo uma delicia, mas ao mesmo tempo bem chocante e arrancou boas lagrimas de mim. O poder de aflorar as emoções é tão grande que houve momentos em que não contive risadas, mas também não contive o meu nervoso e esmurrei meu travesseiro de raiva e nem contive as lagrimas na hora da tristeza.

A minha única critica negativa não vai para a estória, mas sim para a Editora, que fez uma diagramação um tanto quanto pesada para a leitura. Essa diagramação estranha tornou a leitura um pouco cansativa em alguns pontos e isso acaba não sendo legal pra alguns leitores. Outra coisa um pouco chata foi o fato de traduções erradas, com palavras algumas vezes juntas e um pouco mal traduzidas. Mas nada que não possa ser relevado para prosseguir a leitura até o desfecho chocante.

O desfecho me deixou um pouco deprimido, mas ao mesmo tempo me instigou a esperar ansiosamente pelo próximo capitulo dessa aventura e ver onde tudo vai dar. Eu sugiro que não percam muito seu tempo e leiam o quanto antes está saga maravilhosa. Se você ainda não leu o primeiro volume, leia aqui.

10 comentários:

  1. Parabéns pela resenha Robson! Já li A Maldição do Tigre e O Resgate do Tigre e curti bastante. Abraços!

    www.newsnessa.com

    ResponderExcluir
  2. nosssa o segundo livro tem mais emoções que o primeiro ^^ e tem a mistura das mitologia ^^ ameiiii a sua resenha Robs ^^
    to esperando a resenha do terceiro livro da serie ^^

    ResponderExcluir
  3. Adorei a resenha, já to com 'A maldição do tigre' aqui em casa pra ler e já estava com vontade agora depois de ler a resenha da continuação to com mais vontade ainda! show de bola!

    ResponderExcluir
  4. Irei pular essa resenha, já que ainda não inciei essa série e morro de medo de spoilers :P. Aguardo a próxima, Robs :)

    :*

    ResponderExcluir
  5. Thais, minhas resenhas você pode ficar tranquila, pois eu não coloco spoiler nenhum nelas.

    ResponderExcluir
  6. Já li os dois livros dessa série e gostei bastante, o segundo me agradou bem mais que o primeiro, adorei a resenha!

    Beijo;*
    Naty.

    ResponderExcluir
  7. aah essa resenha me instigou totalmente a ler o livro Robs, confesso que não estava tão animada porque o final de "A Maldição do Tigre" me decepcionou, mas depois dessa resenha e agora que estou com seu livro aqui (risos) quero ler logo *_*

    Beijos!

    ResponderExcluir
  8. hahahahaha Gabi, o final da Maldição realmente é meio decepcionante e do tipo que faz você querer jogar o livro na parede, mas o Resgate, menina, o bicho pega mesmo. Então aproveita que você ta com meu livro e leia.

    ResponderExcluir
  9. Essa série é uma das que estão na minha lista de leitura e, ainda, infelizmente, não tive tempo pra ler! As capas, definitivamente, são maravilhosas!

    ResponderExcluir
  10. Oi adorei sua resenha....mas vc já leu o livro reverso escrito pelo autor Darlei... se trata de um livro arrebatador...ele coloca em cheque os maiores dogmas religiosos de todos os tempos.....e ainda inverte de forma brutal as teorias cientificas usando dilemas fantásticos; Além de revelar verdades sobre Jesus jamais mencionados na história.....acesse o link da livraria cultura e digite reverso...a capa do livro é linda ela traz o universo de fundo..abraços.

    ResponderExcluir

Adoro receber críticas construtivas! :)
Sempre que posso reservo um tempo para responder todos os comentários!
Obrigada desde já pelo carinho!

xoxo

© Mundo Platônico Todos os direitos reservados.
Criado por: Gabriela Morgante.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo