#Resenha “Deslembrança”

 

  • Título: Deslembrança
  • Autora: Cat Patrick
  • Editora: Intrínseca
  • Páginas: 250
  • Conceito: 123

Toda noite, quando London Lane recosta a cabeça no travesseiro e dorme, cada mínimo detalhe do dia que viveu desaparece de sua memória. Pela manhã, restam-lhe apenas lembranças do futuro: pessoas e acontecimentos que ainda estão por vir. Para conseguir manter uma rotina minimamente normal, London escreve bilhetes para si própria e recorre à sempre fiel melhor amiga. Já acostumada a tudo isso, ela tenta encarar a perda de memória mais como uma fatalidade que como uma limitação. Mas, quando imagens perturbadoras começam a surgir em suas lembranças e London precisa, de algum modo, escapar delas, fica claro que para entender o presente e o futuro ela terá que decifrar o que ficou esquecido no passado.

Já imaginou não ter memória do seu passado? Acordar todos os dias sem ter nenhuma noção do que viveu ontem, semana passada ou até mesmo durante toda a sua infância? As únicas lembranças que London Lane possui são as do seu futuro, que ela vê em seus sonhos. Uma leitura leve e surpreendente, em “Deslembrança” os maiores mistérios da vida de London estão em seu passado, e ela terá que desvendá-los para poder ter um futuro.

  • "(…) Apesar do aperto no peito, que me faz odiar os passarinhos cantando e tudo o mais,
  • sei que precisava ler isso hoje, e que vou precisar ler de novo amanhã.
  • Para mim, ler é lembrar"

London sabe quem conhecerá no ano que vem, as viagens que fará quando adulta, inclusive as decepções amorosas que a sua melhor amiga Jamie enfrentará, mas quando suas lembranças do futuro se tornam presente, London as esquece completamente às 4h33 minutos do outro dia, e não se lembra que um dia chegou a sonhar com essas lembranças. London conta apenas com os seus bilhetes diários que ela lê todas as manhãs, e que explicam superficialmente o que aconteceu no dia anterior.

Em “Deslembrança”, a vida de London começa a mudar quando ela conhece Luke, um novo aluno de sua escola. Apesar do seu pequeno problema de memória, ela começa um relacionamento com Luke, e nos dias que se seguem London acorda todos os dias e descobre que tem um namorado, lê os bilhetes de alguns momentos que eles compartilharam, e então parte para conhecê-lo. Mas seu namoro não é a única preocupação de London, ela vem sonhando com um enterro em que sua família estará presente, mas ela não sabe que irá morrer, ou porque ela não tem nenhuma lembrança do seu futuro com Luke.

  • “(…) Eu me lembro do que ainda vai acontecer.
    Lembro o futuro, mas esqueço o que já passou.
  • Todas as minhas lembranças, boas, ruins ou tanto faz, um dia vão se concretizar.”

A premissa do livro é muito boa, mas infelizmente a autora poderia ter desenvolvido a história muito mais. O livro é um tanto confuso e deixa muitas lacunas que não são preenchidas. Cat Patrick se focou no romance dos protagonistas, que é um dos pontos altos do livro, mas deixou de lado a importante parte sobrenatural da história, afinal porque London sonha com o futuro? Há algumas passagens de tempo que ficamos sem saber o que aconteceu porque o livro é narrado em primeira pessoa, e os bilhetes de London não são suficientes para explicar tudo.

No geral eu gostei do livro, uma leitura leve e divertida que me instigava a continuar por causa dos mistérios do passado de London, mas realmente me decepcionei com as passagens que não foram bem explicadas. Também faltou emoção em momentos cruciais da história, e o desfecho dos mistérios foram rápidos demais, foi tudo tão rápido que quando percebi o mistério já estava resolvido, e o livro tinha acabado sem várias cenas que eu gostaria de ter lido, mas que apenas são citadas nos bilhetes da London.

  • "(…) Ele volta a fitar os meus olhos, e ficamos nos encarando por algum tempo. E ai, antes que eu possa me preocupar com o que ele está fazendo, Luke se aproxima e me beija. Muito de leve, a princípio, e depois com mais determinação. O beijo é suave e elétrico ao mesmo tempo. É tão
  • perfeito que, antes que termine, fico desolada porque depois não vou me lembrar."

O livro não foge dos clichês dos YA books, principalmente algumas descrições durante as cenas de  romance. Cat Patrick poderia ter explorado muito mais sua história, inclusive fato da London e apaixonar pelo Luke todos os dias, o que tornaria o livro mais emocionante, mas por ser o seu primeiro romance a autora começou muito bem. Indico o livro para os leitores que gostam de ler livros curtos, com um romance muito fofo e protagonistas carismáticos, sem falar no mistério surpreendente da trama ;)

O livro ganhará adaptação para o cinema pela Paramount Pictures, protagonizado pela atriz Hailee Steinfeld, que concorreu ao Oscar de Melhor Atriz Coadjuvante em 2011 por “Bravura Indômita”. Notícia completa no jornal O Globo. Acredito que com um bom roteiro o filme tem muito potencial para ser melhor que o livro. Ah! Amo a capa desse  livro, apesar das letras descascarem no título, ela passa bem a “aura” da obra ;)

8 comentários:

  1. Daqueles livros que nos apaixonamos somente pela capa! Pode não ter nada a ver mas me lembra um pouco o filme "Como se fosse a primeira vez" com Adam Sandler e Drew Barrymore, rs.

    ResponderExcluir
  2. Oi Mai!
    Tem um pouco a ver sim, porque ela acaba se "apaixonando" por ele todos os dias. Mas pensando por esse lado da história prefiro "Como se fosse a primeira vez" :)

    Beijos!

    ResponderExcluir
  3. Oii Gabi

    Adorei essa capa, foi a 1ª coisa que me chamou a atenção no livro...
    A premissa me lembrou bastante 'Como se fosse a 1ª vez'.

    Não sabia que iria virar filme! Tenho que lê-lo antes disso :)

    :*

    ResponderExcluir
  4. A premissa da história me interessou, mas a capa é o que chama mais atenção mesmo! *---------*
    Sua resenha me deu vontade de ler o livro! ;*

    ResponderExcluir
  5. achei muito interessante a história, mas não gostei mto da autora não desenvolver tanto quanto poderia =/ seria lgl ter uma explicação do porque a protagonista soh lembra do futuro..

    --
    hangover at 16

    ResponderExcluir
  6. Gabi, eu sou alucinada por essa capa!!!

    E que legal que vai virar filme, me parece que tem chance de ser muito legal mesmo!!

    Só não gostei da gente saber só partes da história, com essa história de cenas que são só citadas nos bilhetes que a London escreve pra ela mesma. Deve dar até aflição isso!! rs...

    Beijo!

    ResponderExcluir
  7. Parece ser interessante,mas sou mais ligada a livros com teor sobrenatural. Se o foco do livro,como foi citado,é o romance dos dois,acho que não compraria este livro... A capa é linda,e a sinopse bem bacana. Valeu pela dica!!

    ResponderExcluir
  8. adorooo livros de romance principalmente se tiver algo sobrenatural na historia ^^
    só fico triste que não tenha continuação pois adoro sagas mas fiquei muito curiosa com o livro

    ResponderExcluir

Adoro receber críticas construtivas! :)
Sempre que posso reservo um tempo para responder todos os comentários!
Obrigada desde já pelo carinho!

xoxo

© Mundo Platônico Todos os direitos reservados.
Criado por: Gabriela Morgante.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo