#RESENHA A Maldição do Tigre - Tiger’s Curse #1

 

  • Título: A Maldição do Tigre - Tiger’s Curse #1
    Autora: Colleen Houck
  • Editora: Arqueiro
  • Páginas: 352
  • Conceito: 1234

Paixão. Destino. Lealdade. Você arriscaria tudo para salvar seu grande amor?
Kelsey Hayes perdeu os pais recentemente e precisa arranjar um emprego para custear a faculdade. Contratada por um circo, ela é arrebatada pela principal atração: um lindo tigre branco.
Kelsey sente uma forte conexão com o misterioso animal de olhos azuis e, tocada por sua solidão, passa a maior parte do seu tempo livre ao lado dele.
O que a jovem órfã ainda não sabe é que seu tigre Ren é na verdade Alagan Dhiren Rajaram, um príncipe indiano que foi amaldiçoado por um mago há mais de 300 anos, e que ela pode ser a única pessoa capaz de ajudá-lo a quebrar esse feitiço.
Determinada a devolver a Ren sua humanidade, Kelsey embarca em uma perigosa jornada pela Índia, onde enfrenta forças sombrias, criaturas imortais e mundos místicos, tentando decifrar uma antiga profecia. Ao mesmo tempo, se apaixona perdidamente tanto pelo tigre quanto pelo homem. 

“A Maldição do Tigre” me conquistou logo de cara, afinal quem não gostaria? Uma sinopse e capa instigantes, muita ação e aventura, e a própria proposta do livro que é sobre mitologia Indiana que me atrai muito, minhas expectativas estavam altíssimas pois além de tudo isso o livro foi muito bem criticado. E a história realmente é boa na maioria dos momentos, mas o que era uma experiência super interessante, não correspondeu minhas expectativas por causa dos momentos finais.

“(…) Quando a jaula do tigre passou diante de mim, tive uma vontade súbita de acariciar-lhe a cabeça e confortá-lo. Eu não sabia se tigres eram capazes de demonstrar emoções, mas tive a impressão de poder perceber seu estado de espírito. Parecia melancólico.”

Kelsey Hayes vive em Oregon com seus pais adotivos, durante suas férias de verão ela arruma um emprego no circo que está passando por sua cidade para juntar dinheiro para faculdade. Kelsey foi ajudá-los a cuidar dos animais, e o trabalho seria normal se não fosse pelo tigre branco que o circo possui. Ren é o tigre, e inexplicavelmente Kelsey se sente atraída por ele, toda vez que ela olha para o seus olhos inteligentes é como se ela estivesse enxergando sua alma, que é estranhamente humana.

Kelsey se apega ao tigre e passa a maior parte do seu tempo no circo com ele, até que os donos do circo resolvem vender Ren para uma reserva de animais na Índia, país de origem do tigre, e pedem para Kelsey acompanhar o tigre na viagem, pois ela é a única que além de não ter medo, sabe cuidar dele. Kelsey aceita viajar para esse país que possui uma cultura totalmente diferente da sua, apenas para acompanhar e cuidar do tigre que tanto chama sua atenção. Seria uma viagem rápida, mas quando eles chegam na Índia a vida de Kelsey muda para sempre, e ela é envolvida em uma história mítica de príncipes, deuses e maldições.

O tigre Ren é na verdade Alagan Dhiren Rajaram, um príncipe indiano que foi amaldiçoado por um mago há mais de 300 anos, Ren pode se transformar em humano apenas alguns minutos por dia, e Kelsey parece ser a única pessoa capaz de ajudá-lo a quebrar esse feitiço. Há muitos anos Ren foi atraído pelo seu irmão Kishan que desejava a sua noiva, mas Kishan também foi enganado pelo mago, e ambos os irmãos foram amaldiçoados, Ren se transformou em um tigre branco, e Kishan em um tigre negro.

  • "(…) Olhei dentro daqueles grandes olhos azuis e sussurrei:
  • Queria que você fosse livre.”
  • "(…) Fiquei paralisada quando ele levou minha mão lentamente aos lábios e beijou sua palma.
  • Minha mão formigava.''

A história da maldição é muito bem construída, aprendemos muito junto com Kelsey sobre os deuses indianos e suas história mitológicas, e tudo é muito interessante. Logo que Kelsey descobre a verdade sobre Ren, e ela parte com ele em uma aventura cheia de perigos em busca de repostas. Depois de tantos anos de confinamento e dor, o príncipe Ren finalmente tem esperança, e ele é um personagem encantador tanto quanto homem como tigre. Kelsey é uma ótima personagem também, determinada, inteligente  e forte. Kishan sofre por ter traído seu irmão e ter perdido a sua amada, temos indícios de um triângulo amoroso (ala Vampire Diaries), e infelizmente talvez a autora invista nesse triângulo nos próximos livros da série.

E assim ia a leitura de “A maldição do tigre",  uma emocionante aventura cheia de magia indiana, cheguei a pensar que este livro estaria entre os meus favoritos, mas a autora Colleen Houck perde a mão nos momentos finais do livro, não na aventura da história e sim na atitude infantil e burra da sua personagem Kelsey, que começa a ter muitos irritantes momentos de baixa alto estima, com pensamentos do tipo: “Amo Ren demais, mas ele é um príncipe indiano lindo demais para mim, é melhor acabar com esse romance antes que ele se torne muito sério e eu sofra no futuro”.

Eu pensava que era só um pequeno momento de insegurança da personagem, mas não, a autora realmente insistiu nisso e a partir daí Kelsey deixou de ser o que era, e estragou um romance super legal e envolvente, consequentemente também estragou a história e me decepcionou. O livro deixou de ser um dos meus favoritos para não ganhar nem cinco estrelas. Acredito que Colleen Houck escolheu um caminho muito errado, e a história que era uma aventura emocionante se tornou um drama amoroso desnecessário.

No geral eu gostei da história, porque ela foi boa na maioria dos momentos, o único problema é que a autora estragou totalmente a personagem Kelsey. Mas eu gostei  da proposta do livro, achei super interessante saber mais sobre a cultura indiana. Indico o livro, como eu talvez você também se decepcione nos momentos finais, mas eu acredito que a história ainda vale a pena, e estou ansiosa pelo próximo volume, “O Resgate do Tigre”, título provisório da Editora Arqueiro.

“Um romance delicado e uma aventura capaz de deixar o coração a mil por hora. Eu vibrei e roí as unhas. A maldição do tigre é mágico” Becca Fitzpatrick.

  

16 comentários:

  1. Parabéns pela resenha Gabriela! Estou ansiosa para ler A Maldição do Tigre! Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Essa decepção nos momentos finais logo no primeiro parágrafo me puxou pra baixo agora... Tenho o livro aqui , mas estou enrolando porque não quero me apegar a um livro e depois esperar o que parecem séculos pela continuação.
    Lendo a sua resenha tenho que dizer que a insegurança de algumas protagonistas são mesmo de matar de irritação. rs Porém, ao que parece para mim,é que toda esta insegurança não passa de um gancho para o triângulo amoroso que irá rolar quando o irmão de Ren aparecer na história em o Resgate do tigre.
    Quando ler volto com a minha opinião.
    Gostei bastante da resenha.

    ResponderExcluir
  3. Tenho curiosidade em ler esse livro, essa coisa de fantasia indiana, com as estórias e tudo o mais. Parece ser um bom livro.

    http://sempre-lendo.blogspot.com/

    Abraços
    Juan

    ResponderExcluir
  4. Muito boa a resenha, parabéns! Fiquei curioso pra ler o livro.

    ResponderExcluir
  5. Oi Gabi!
    O livro parece ser muito bom!
    Pena que decepcionou no final... Comigo foi a mesma coisa com "A Promessa".
    Beijos,
    Sora - Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
  6. AMO essa capa e estou louca pelo livro! Preciso fechar umas leituras antes =/

    Beijos
    Gabi - Romances e Leituras

    ResponderExcluir
  7. tudo que sei é que tenho um marcador desse livro

    ResponderExcluir
  8. Estou louca por esse livro. Só a capa já é maravilhosa, adorei a resenha

    ResponderExcluir
  9. Eu estava loooouca para ler esse livro, mas depois de ler várias resenhas e todas elas apontarem a crise da protagonista como algo irritante, fiquei com o pé atrás. Minha amiga está lendo e disse que as páginas estão se arrastando e que nem recomenda a leitura kkkk enfim, acho que vou deixar pra depois quando tiver alguma promoção.

    Beijos,
    whosthanny.com

    ResponderExcluir
  10. Estou louca pra comprar esse parece tãaaao bonito que nem a menina falou do livro A promessa, o final foi nada a ver, e esse todos falam a mesma coisa, mas vou comprar mesmo assim, estou doida pra ler ele *-* HAHA

    ResponderExcluir
  11. amei a resenha...ja quero ler ^^

    ResponderExcluir
  12. caramba, preciso ler esse livro, eu acho a cultura indiana muito demais!

    ResponderExcluir
  13. A história parece legal, fiquei interessada em ler!

    ResponderExcluir
  14. Um livro que você não gosta desde o começo é aceitavelmente ruim, mas quando você se encanta com a estória e se decepciona no final, é muuuuito ruim!

    Acho que todos os livros que exploram qualquer tipo de cultura são válidos... E envolvendo maldições e magos então, para mim, melhor ainda! kkkkkkk

    :*

    ResponderExcluir
  15. Adorei sua resenha
    Preciso conhecer a Índia junto com o Ren que pelo jeito é lindo

    ResponderExcluir
  16. to louca pra ler e essa resenha é ótiima to louquinha pra conhecer Ren , alen da capa ler maravilhosa

    ResponderExcluir

Adoro receber críticas construtivas! :)
Sempre que posso reservo um tempo para responder todos os comentários!
Obrigada desde já pelo carinho!

xoxo

© Mundo Platônico Todos os direitos reservados.
Criado por: Gabriela Morgante.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo