#Resenha Rosa & Túmulo - Sociedade Secreta #1

 

 

  • Título: Rosa & Túmulo Sociedade Secreta #1
  • Autora: Diana Peterfreund
  • Editora: Galera Record
  • Páginas: 384
  • Por Thalyta Nunes
  • Amy Haskel é subeditora do jornal da faculdade e acredita que logo será convocada para a sociedade secreta Pena & Tinta. Mas tudo muda quando ela se torna uma das primeiras garotas convidadas a integrar a Rosa & Túmulo, a sociedade secreta mais poderosa - e infame - do país. Amy vê sua vida virar do avesso depois que se transforma em uma Coveira (como são chamados os integrantes da Rosa & Túmulo) - não consegue estudar, se afasta dos amigos e está prestes a perder seu quase-namorado. E é só o começo. Em nome da sociedade, Amy deverá assumir a liderança de uma grande conspiração que envolve dinheiro e poder, e que tem (grandes) chances de destruir sua vida.

Amy Haskel, estudante de literatura e editora da revista literária da universidade, quer (e tem certeza de que vai) ser convocada para participar da Sociedade secreta Pena & Tinta, a sociedade literária sênior do campus. Entrar para essa sociedade secreta lhe daria alguns contatos preciosos que lhe ajudariam na sua carreira futura. Assim como sua antecessora na editoração da revista, era quase certo de que ela seria uma das convocadas.

Mas o que Amy não esperava, é que outra sociedade secreta se interessasse por ela. Rosa & Túmulo é a sociedade secreta mais poderosa e influente de todo o país.

E com um histórico de legados, mentes brilhantes, e futuros líderes, Amy não conseguia entender tal interesse nela. Mas é claro que ela não poderia recusar um convite para participar dessa elitista sociedade secreta. Ela vai adorar descobrir se todos os boatos em relação a Rosa & Túmulo são de fato verdadeiros, ou meros exageros.

Então é aí que a vida de Amy começa a virar de cabeça para baixo. Enquanto administra seu tempo para estudar literatura russa; lidar com a pressão do seu “amigo colorido” para que ela assuma um compromisso de verdade; e lidar com o clima ruim que se instalou entre ela e sua colega de quarto, vulgo melhor amiga, desde a noite da convocação; Amy ainda tem que, junto com seus novos irmãos e irmãs coveiros, “bater de frente” com um grupo de patriarcas que estão conspirando contra eles. E o que é pior, isso pode destruir a sua vida.

Eu confesso que a primeira coisa que fez eu me interessar por esse livro foi a capa. Principalmente o broche dourado. Depois veio o titulo berrando na minha frente “Sociedade Secreta”. Depois de ler a sinopse eu já estava louca por esse livro. Foi realmente um achado no estante virtual, R$15 reais mais frete, visto que na saraiva tá quase 50 reais. E o livro veio em perfeito estado, quase novo. No mesmo dia que ele chegou eu comecei a ler, e não consegui largar mais. Terminei no dia seguinte. Parece um pouco clichê falando assim, “o livro te prende, e você não consegue parar de ler” principalmente vindo de mim. Mas esse livro foi realmente assim. Afinal ele até mereceu o título de “um dos meus livros preferidos”. Pra você ver.

Amy narra de uma forma leve e divertida. Muitas vezes eu quis gritar com vários personagens (incluindo a Amy), fiz alguns “oun” durante a minha leitura, e chegou um ponto em que eu quase chorei. O que na verdade foi um milagre, porque eu choro na maioria dos livros que eu leio. De qualquer forma, ela é uma boa personagem. Não é do tipo enjoadinha, e que só sabe reclamar das injustiças da vida. Muito menos é do tipo que você ou ama ou odeia. A Amy é mais aquela personagem real. Sabe daquelas que parecem que são inspiradas em alguém de verdade? Amy tem as suas qualidades, tanto quanto tem seus defeitos. Tem coisas que você adora nela, assim como tem coisas que você não gosta.

De personagens masculinos, o leque de opções é tão maravilhoso que me deixou meio confusa sobre a minha preferência. :P Logo de cara nos é apresentado Brandon, o CDF bonitinho; Malcolm o filho do poderoso deputado, misterioso e bonitão. E por último, mas não menos lindo, George, o Galinha com G maiúsculo, e que tem uma leve semelhança com Orlando Bloom. É isso aí. Apesar dos apesares o meu preferido é o Malcolm. Ele me conquistou de primeira, com todo o charme de melhor amigo que ele tem.

Não vou negar. Às vezes o excesso de personagens deixa algumas partes um pouco confusas, mas eu acho que é inevitável. Afinal uma sociedade secreta com poucos membros não seria de fato crível. Li em algumas resenhas no skoob que a escritora resolve todo o problema do livro em uma linha. E depois de pensar um pouco sobre isso, eu cheguei a conclusão que é de fato verdade. No entanto Amy usou praticamente um capitulo inteiro (e os capítulos não são pequenos) com a discussão e a solução que lhes foi apresentada. Aquela uma linha foi só o desfecho. Para ser sincera, em minha opinião aquela uma linha estava subentendida. Era totalmente óbvio o que aconteceria em seguida.

Só tenho um último comentário a acrescentar. As poucas lacunas que ficaram para serem preenchidas nos próximos livros foram o suficiente para me deixar ansiosa para ler a continuação.

Tha, 25/02/1994, Futura Jornalista, Leitora Voraz, Seriadora Viciada. Preguiçosa, ela adoraria se as coisas caíssem do céu bem na frente dela. Ela é orgulhosa e dificilmente dá o braço a torcer. Chorona e sentimental, ela vê duplo sentido em tudo. Persistência é uma virtude que ela admira, porem que não possui.

Para elogia-la, dar sugestões ou simplesmente bater um papo sobre livros e afins, basta segui-la no twitter @Thaah_

13 comentários:

  1. Gostei da resenha, parabéns Thalyta (:
    O livro parece ser muito bom.

    ResponderExcluir
  2. ô gabi, não esqueci de vc não ta?
    eu sinto falta disso aqui.. mas to tão sem tempo =/
    to estudando pro vestibular e fica meio complicado... internet é uma vez ou outra agora.
    Mas sucesso sempre com o blog... o meu agora ficou meio largado ahuasuh... mas faz parte.

    Enfim, beijo ^^

    ResponderExcluir
  3. Gostei, mas o titulo me lembrou (sei lá porque) a Rosa Cruz, do Código da vince hahahha

    1bj

    ResponderExcluir
  4. Achei legal, vou querer ler!!!

    http://conversandocomdragoes.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. OMG! Me deu uma vontade de ler agora... nossa. Estava mesmo procurando por um livro bom e que eu me interessasse, mas acho que já o encontrei.
    Lindo aqui, flor, seguindo (:
    Bjo! (:

    http://miasamarah.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. Eu sou louca por ler essa série! Mas o preço ainda está meio salgado :/ Então tenho que aguardar mimi. Mas seu post só me deixou mais curiosa x.x Quero o livro mais ainda!

    Beijos, World of Carol Espilotro x

    ResponderExcluir
  7. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  8. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  9. Adorei a resenha!!
    Louca pra ler o livro.. mais um q entrou na minha listinha!!!

    ResponderExcluir
  10. Bem vidna Tah *__*
    ah a resenha ficou ótima.
    E deu vontade de ler.
    entrou para minha lista \o/ (que só faz cresver cada vez que venho aqui)

    ResponderExcluir
  11. Eu amo essa serie e acho que ela so vai melhorando nas continuações, bjos.

    ResponderExcluir
  12. A resenha ficou bem boa. Entrou na minha lista de vou ler. rs
    Bjos

    ResponderExcluir

Adoro receber críticas construtivas! :)
Sempre que posso reservo um tempo para responder todos os comentários!
Obrigada desde já pelo carinho!

xoxo

© Mundo Platônico Todos os direitos reservados.
Criado por: Gabriela Morgante.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo