Sexta do Leitor #2 [Resenhas]

“Marley e Eu” do autor John Grogan. Editora Prestígio, 302 páginas.

John e Jenny eram jovens, apaixonados e estavam começando a sua vida juntos, sem grandes preocupações, até ao momento em que levaram para casa Marley, "um bola de pêlo amarelo em forma de cachorro", que, rapidamente, se transformou num labrador enorme e encorpado de 43 quilos.
Era um cão como não havia outro nas redondezas: arrombava portas, esgadanhava paredes, babava nas visitas, comia roupa do varal alheio e abocanhava tudo a que pudesse. De nada lhe valeram os tranquilizantes receitados pelo veterinário, nem a "escola de boas maneiras", de onde, aliás, foi expulso. Mas, acima de tudo, Marley tinha um coração puro e a sua lealdade era incondicional. Imperdível.

Eu adoro cães e tinha amado o filme Marley & Eu,pelo menos a parte que eu tinha visto,então quando vi o livro por apenas R$9,99 no Wallmart eu pedi pra minha tia e ganhei ele de aniversário.Eu já tinha ouvido falar muito bem desse livro,e sabia que ele tinha ficado em 1º lugar e tudo o mais,então já esperava muito desse livro.E ele deve ter correspondido a todas as minhas expectativas ou até mais!O livro,que conta a história de John Grogan e em especial de seu cão Marley,que esteve quase todo o tempo de casado com eles é engraçada,fofa e linda!Marley,de início,foi como um treino para ter um bebê,mas no final se tornou muito mais que isso,se tornou parte da família.O cão atrapalhado,enérgico e medroso conquistou o coração de muitas pessoas,inclusive o meu.A gente vai se envolvendo tanto na história que quer ler a toda hora e já emenda um capítulo no outro.Eu sempre levava ele pra escola e estava com ele quase sempre,lia no recreio,às vezes até na aula!Além da história que é MUITO boa,o livro ainda conta com fotos lindos do Marley!Eu acho o Marley muito fofo,sempre quis ter um labrador.Eu e meu pai sempre falávamos que se tivéssemos uma casa,íamos ter um labrador e um Golden Retriver rs.A gente ri em quase todo o livro,e aí vem o final,que a gente chora.Esse foi o primeiro livro(que eu me lebre,pelo menos) que me fez chorar.Acho que nem com O Diário de Anne Frank,que é muito triste,eu chorei.O livro é bem descritivo e fala tudo sobre a vida do casal e da família,o que o deixa bem íntimo e aproxima o leitor da história.Tem situações engraçadas,e o mais legal é que é verídico,ou seja, não é forçado nem fantasioso,o que é bom porque eu não gosto muito de livros tipo fantásticos ou de ficção científica.Me encantou e eu aposto que a todos também.Recomendo! 

  “A garota americana” da autora Meg Cabot. Editora Record, 352 páginas.

A GAROTA AMERICANA acompanha o cotidiano de Samantha, uma típica garota americana, que leva uma vida muito parecida com a de tantas outras meninas de sua idade. Até que um dia resolve matar aula de arte e, por acaso, salva o presidente americano de uma tentativa de assassinato. Samantha logo vê sua vida virar de cabeça para baixo ao ser nomeada embaixadora da ONU, sem saber exatamente o que o cargo significa.

A Garota Americana de Meg Cabot,é um livro muito legal!Um dos melhores livros teen que eu já li e também o primeiro que eu li da Meg,eu acho.A Garota Americana em inglês All American Girl,conta a história de Samantha Madison,uma garota rebelde que está entre sua irmã mais velha popular e linda e sua irmã mais nova superdotada.Ela leva uma vida como a de muitas garotas até o dia em que resolve matar a aula de arte e acaba salvando o presidente.Após isso as pessoas passam a achar que ela é uma heroína apesar de que ela não aceite isso. Muita gente começa a mandar agradecimentos e presentes,a turma dos populares passa a puxar saco dela e ninguém mais a trata mal como antes.Ainda por cima tem o David,o filho do presidente por quem ela sente um frisson apesar de achar que está apaixonada pelo namorado da sua irmã,o Jack. Muitas coisas engraçados e loucas acontecem na vida dela,como ser nomeada embaixadora teen da ONU. E muitas reviravoltas acontecem na história. Depois tem Quase Pronta,que é a continuação,mas eu gostei tanto dos dois que pra mim é pouco,eu acho que devia ter mais livros.E eu não concordo com o título em inglês,pois ela não é como todas as garotas americanas.Ela é gótica,só come hambúrguer,só ouve ska e é artista.Bem diferente de todos os estereótipos que a gente vê nas histórias americanas,e vai ver que é por isso que eu gosto dela.

"Quase Pronta" [A Garota Americana - Vol. 2]

A participante da Sexta do Leitor #2 é a Marcelle, que é muito fofa e mandou não uma, mas duas resenhas para participar da sexta do leitor! Muito obrigada pela participação Mah!

 

Eu amei as resenhas! E vocês gostaram?!

12 comentários:

  1. Larguei Marley, já tinha chorado mto e ele naum morria, naum consegui continuar...

    http://conversandocomdragoes.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Eu amo este livro. Primeiro porque tenho bicho, depois pq ja tive labrador. E realmente, dentro de casa não dá, mas não é culpa do cachorro ;). Não gosto nem de pensar quando minhas pequenas irão partir, então eu chorei como louca no final do livro...

    Bjus

    ResponderExcluir
  3. Marley e Eu é muito bom!! Eu adorei o livro!!
    A Garota Americana não li ainda, mas parece ser muito bom!!


    Abraço


    Luiz Silva
    blogueiroleitor.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Gostei muito da idéia! Eu nunca li marley e eu, e mesmo as resenhas positivas não me atrai um livro sobre um cachorro, sei lá, talvez eu goste quando ler. A garota america eu li, não acho um dos melhores livros dela, realmente o primeiro é até bonzinho mas o segundo é muito besta. ;)

    beijoos
    http://deliriosdesalome.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. Olá!

    Gostei do livro e do filme, mas são os que eu jamais voltarei a ver, rs. Muito tristes!
    ADOREI as resenhas! Bem escritas à beça.

    Abraços e sucesso!

    ResponderExcluir
  6. Oi Gabi!
    Adorei as resenhas da Marcelle!
    Marley & Eu é um livro que me fez chorar de soluçar... Eu terminei o livro e fui correndo e chorando abraçar o meu cachorro ;(
    Depois desse nunca mais li nada relacionado a cachorros! Gosto demais desses bichinhos, por isso sofro muito.
    A Garota Americana eu ainda não li, mas se é da Meg Cabot eu quero ler ;)
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Não li o livro mas assisti o filme e chorei demais então acho que não vou ler apesar de achar que é um ótimo livro.

    ResponderExcluir
  8. Parei de ler porque agora tenho um cachorro e começo a chorar... kkkkkk

    Ah, tem um meme pra vc lá no blog!
    http://www.meucantinhodeleitura.com.br/2011/01/08/expectativas-literarias-2011-meme/

    Bjo!
    Elis

    ResponderExcluir
  9. Ei meninas, muito legal esta seção. Eu amei Marley, li, reli, reli de novo e morri de chorar todas as vezes rsrsrs, o filme tbm eu gostei bastante.

    O da Mega ainda não li mas está na fila :)

    bjoos

    ResponderExcluir
  10. Aaaaaaah,adorei ver minhas resenhas aqui!*--* e obrigada menina,vc tb é muito fofa.Obrigada a todos que gostaram das minhas resenhas :) E de nada,Gabi,adoreei participar!!

    ResponderExcluir
  11. Meu Deus, o que eu fiz? =/
    Minha mãe tava com uma revista e nela tinha "Marley e Eu" pra vender. Mas eu não quis comprar porque não me interessou. Eu e minha mania de julgar o livro pela capa.
    Depois de ler essa resenha me deu vontade de ler. Mas agora a revista já foi '-'. Que azar.
    Eu adorei a resenha, só pra constar e história parece ser boa. A crítica que foi feita vai bem além das que eu ouvi por aí... é por isso que a gente deve ter mais de uma opinião na hora de escolher um livro.
    Mas um dia eu vou ler (yn)


    A resenha de “A garota americana” é convidativa, já que deixa o mistério de como ela salvou o presidente no ar. Também não concordo com o título em inglês. Dessa vez a tradução merece credito... porque ela é realmente "A garota americana", e não uma das... pelo menos eu nunca ouvi falar de garotas americanas matando aula e salvando presidentes 'haha

    Eita, ela só tem 14 anos?
    Escreve super bem ^^
    Eu adorei as resenhas!

    ResponderExcluir
  12. Marley e Eu foi o primeiro livro que meu pai me deu, então tenho um carinho especial por ele =)
    A história é ótima! Eu ri muito com o Marley e claro, o jeito que o John escreve contribuiu muito para as minhas risadas!

    E, o que falar de Garota Americana? É Meg Cabot, mano >D Confesso que gostei da historia, principalmente das listas que a Sam faz (rsrs).

    Enfim, boas resenhas e só senti falta de uma coisa: Parágrafos =/



    Beijooos

    ResponderExcluir

Adoro receber críticas construtivas! :)
Sempre que posso reservo um tempo para responder todos os comentários!
Obrigada desde já pelo carinho!

xoxo

© Mundo Platônico Todos os direitos reservados.
Criado por: Gabriela Morgante.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo